Entrevista

O Prémio de Investigação Noémia Afonso é promovido pela Sociedade Portuguesa de Senologia (SPS) e tem o intuito de premiar profissionais e projetos na área do cancro da mama. Surgiu como uma forma de homenagem a uma profissional que teve um “desempenho importante” na Senologia e por isso, é um Prémio que pretende promover e incentivar a investigação, refere José Carlos Marques, presidente da SPS.

António Pedro Machado, presidente do Update em Medicina 2024, traça o balanço do evento científico, que decorreu de 14 a 17 de março, no Hotel dos Salgados, no Algarve. "Foi abordada uma ampla gama de tópicos médicos atuais, por forma a responder às necessidades presentes e aos desafios futuros que se antevêem", afirma o especialista de Medicina Interna, em entrevista à News Farma.

No próximo dia 12 de abril, o Hotel Solverde, em Vila Nova de Gaia, recebe a V Reunião Anual da Sociedade Portuguesa de Endoscopia Digestiva (SPED). Em vídeo, Susana Lopes, presidente da Sociedade, traça a antevisão de um evento subordinado ao tema "Endoscopia em Oncologia Digestiva: avanços e tendências".

“As doenças alérgicas têm um impacto enorme na qualidade de vida das crianças e jovens afetados e das suas famílias, bem como um impacto social e económico muito grande.” Palavras de Paula Leiria Pinto, presidente da comissão organizadora da 13.ª Reunião de Imunoalergologia de Lisboa, que vai decorrer em 10 de maio, no Hotel VIP Executive, em Entrecampos. Em entrevista, convida todos os especialistas da área a estarem presentes em mais uma edição do encontro. Veja o vídeo.

“O grande fator diferenciador deste Congresso é que vai reunir vários profissionais de saúde que lidam com doentes oncológicos e que precisam de ser integrados nas equipas multidisciplinares para conseguirmos os melhores resultados em Oncologia.” Quem o afirma é Catarina Ribeiro, fundadora do OncoSummit, que será nos dias 10 a 12 de maio, no Grande Auditório da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa. Em entrevista, partilha, em primeira mão, os workshops “com temas extremamente interessantes”. Veja o vídeo. 

“É uma honra e um orgulho termos tantos médicos de família que gostem de estar connosco e que apreciem as jornadas.” Palavras de Rui Costa, presidente das Jornadas multidisciplinares de Medicina Geral e Familiar (MGF), que decorrem de 21 a 23 de março, no Hotel Sheraton Porto. Veja a entrevista de antevisão, na qual enumera os principais temas de debate.

Começou há 27 anos e é hoje uma reunião que conta com a presença de participantes de Portugal, Espanha, Angola e Moçambique e com palestrantes de diferentes pontos do mundo, desde Espanha, Estados Unidos, Holanda, Hungria e Inglaterra, para dois dias de partilha de experiência no tratamento de 24 doenças dermatológicas. Assista à entrevista de António Massa, presidente do 27th International Meeting: Update on Dermatology Treatments, que decorre a 15 e 16 de março, no Hotel Sheraton, no Porto.

Transformar a abordagem à doença hepática crónica é o objetivo de um curso organizado pelo Núcleo de Estudos das Doenças do Fígado (NEDF) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI), que promete também ser uma nova era na informação médica, integrando o conhecimento teórico com a prática clínica. O coordenador do NEDF da SPMI, Paulo Carrola, afirma “que o objetivo é que os participantes adquiram e consolidem conhecimentos práticos”, nesta formação agendada para 14 e 15 de junho.

O cancro do pulmão é um dos mais diagnosticados na atualidade e a principal causa de morte por cancro em Portugal, apesar de esta patologia ainda ocorrer maioritariamente no sexo masculino, tem-se observado um crescimento significativo da taxa de incidência na mulher. Leia as mensagens de Isabel Magalhães, presidente da Pulmonale, a Associação Portuguesa de Luta Contra o Cancro do Pulmão.

Um estudo nacional partilhou novos dados com o objetivo de compreender a realidade do cancro do pulmão de pequenas células (CPPC) em Portugal. António Araújo, diretor do Serviço de Oncologia da Unidade Local de Saúde de Santo António, partilha, em entrevista, as principais conclusões do estudo da PharmaMar e como esta avaliação deve incentivar mudanças na gestão desta patologia, em que cada médico acompanha, em média, 20 novos casos por ano, que, de acordo com os dados do Registo Oncológico Nacional, corresponde a cerca de 10-13 % de todos os casos de cancros de pulmão.

Publicações